Sindicato Dos Servidores Públicos Do Estado De São Paulo

(11) 3106-5098 / 3112-8455
R. Silveira Martins, 53 - Sé
Seg - Sex 09:00 às 16:30

Caos na Previdência foi feito de propósito

  • SISPESP
  • /
  • JAN 2020
  • /
  • 68

 
O ex-ministro do Trabalho e Emprego e da Previdência Social, Luiz Marinho, em entrevista à TV 247, falou das enormes filas de contribuintes que aguardam a liberação de suas aposentadorias em agências do INSS. Ele criticou a convocação de 7 mil militares feita pelo governo para darem vazão aos pedidos de aposentadoria e criticou a possível privatização da Dataprev.
 
Marinho, que também é candidato à prefeitura da cidade de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, acredita que Jair Bolsonaro e seu ministro da Economia, Paulo Guedes, estão provocando os atrasos nos pedidos de aposentadoria do povo como forma de realizar um ajuste fiscal às custas da população. 
 
“Não acredito que seja um problema de incompetência, é fato que eles estão determinando um nível de crueldade ao povo trabalhador. Ou seja, eles estão trabalhando forma orçamentária em cima do sacrifício de homens mulheres que precisam da aposentadoria, que precisam da pensão, que precisam do seguro do trabalho. Tem requintes de crueldade o que eles estão fazendo para economizar no orçamento, estão fazendo ajuste fiscal em cima do trabalhador”.
 
 
Luiz Marinho disse também que a Dataprev está sendo desmontada pelo governo Bolsonaro que, criando o caos na instituição, consegue uma justificativa para privatizar a empresa. “É a mesma lógica de privatizar a Dataprev, é uma empresa de muita capacidade tecnológica, eles fizeram todo o ajuste de modernização tecnológica para nós chegarmos a esse estado de excelência da Previdência Social. O que estão fazendo é um desmonte. Saiu muita gente, não fizeram novos concursos, então está faltando mão de obra, e agora vêm com essa balela, essa patifaria, de convocar reservistas para fazer o atendimento. O que eles desejam é, a partir de criar o caos, justificar a venda da Dataprev e justificar outras aberrações do governo Bolsonaro. É um ato de crueldade contra o povo trabalhador”.
 
Fonte: Brasil247
Foto: Reprodução | ABr 

Atendimento

De Segunda à Sexta-Feira das 09:00 às 16:30h

Endereço:

R. Silveira Martins, 53 - Sé
Centro - São Paulo/SP - 01017-010

Telefone:

(11) 3106-5098
(11) 3112-8455

Fliado a:

SISPESP SISPESP

Newsletter

Assine a nossa newsletter e receba as últimas notícias e novidades!


Redes Sociais

Siga-nos se você quiser se manter atualizado sobre o que está acontecendo !!!
2019 © Todos os direitos reservados. Desenvolvido por DIAPOIO